sexta-feira, julho 19, 2024
InícioPolíciaAcusado de assassinar analista do TJ-PI é condenado a 23 anos de...

Acusado de assassinar analista do TJ-PI é condenado a 23 anos de prisão

O julgamento do réu ocorreu no último dia 07 de dezembro

spot_img

Vinícius Alves da Silva, acusado de assassinar um analista do Tribunal de Justiça do Piauí, em agosto de 2019, foi condenado a 23 anos e quatro meses de prisão. A decisão é do juiz Almir Abib Tajra Filho, da 8ª Vara Criminal de Teresina.

Acusado de assassinar analista do TJ-PI é condenado a 23 anos de prisão (Foto: divulgação)

Na decisão, o juiz afirmou que “Vinícius Alves da Silva de forma pensada, colaborativa e consciente, praticou o delito de roubo qualificado pelo resultado morte, na companhia do comparsa IGOR ARAÚJO DE SOUZA, não existindo, no caso concreto, qualquer causa excludente de ilicitude ou da culpabilidade do acusado”.

O magistrado também negou a Vinicius Alves o direito de recorrer da sentença em liberdade. O réu deverá cumprir a pena na Penitenciária Regional Irmão Guido ou em estabelecimento prisional similar e adequado em Teresina.

O crime

No dia 28 de agosto, Francisco das Chagas Campelo foi assassinado no bairro Tancredo Neves, zona Sudeste de Teresina. A vítima reagiu a um assalto e foi alvejado com dois tiros de arma de fogo.

Francisco das Chagas Campelo e Silva era analista do Tribunal de Justiça do Piauí (Foto: divulgação)

Três acusados do crime foram presos: Igor Araújo de Souza, Vinícius Alves da Silva (condenado) e Maria da Conceição de Sena.

spot_img
spot_img
Redes Sociais
16,985FãsCurtir
2,458SeguidoresSeguir
61,453InscritosInscrever
Mais Notícias
Matérias relacionadas
spot_img